A história do malamute do Alasca

0

Muitas vezes confundido com o husky siberiano, o malamute do Alasca é um cachorro poderoso e de porte gigante (medindo até 71cm de altura). Incrível em suas habilidades para puxar trenós, este cão chama a atenção por seu temperamento bastante peculiar que requer dedicação, paciência e amor por parte de seus pais humanos.

A história do malamute do Alasca

A história do malamute

Criado no ano 3000ac., o malamute do Alasca foi selecionado para ser um animal forte e poderoso, capaz de puxar cargas e trenós pesados com facilidade e destreza. Originário dos Estados Unidos (como seu nome mesmo sugere), este cão do Alasca não é o mais veloz em sua função, mas a ideia era realmente essa: tudo bem ser menos veloz, desde que seja bem mais forte.

A história do malamute do Alasca

A raça leva um nome que ue vivia no nordeste do Alasca. A tribo Malhemut era um povo nômade que usava seus cães para levar seus objetos (que eram muitos) de um canto para o outro.

A história do malamute do Alasca

Sua pelagem densa e super chamativa é composta por pelo e subpelo e isso também tem a ver com sua origem. O Alasca possui épocas de frio extremo e é preciso ter cães devidamente protegidos por lá, capazes de trabalhar por horas sem sentir o impacto do clima.

A história do malamute do Alasca

FONTE: PETLOVE

Leia também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.