As características do cocker spaniel inglês

0

O cocker spaniel inglês é um dos cachorros mais populares do mundo. Com suas orelhas compridas e muita energia, ele costuma ser a alegria da casa, sempre divertindo a todos com suas trapalhadas.

As características do cocker spaniel inglês

Como um típico cão de caça (eles foram selecionados para caçar e buscar presas), os cockers ingleses adoram brincar com seus papais humanos de buscar objetos como bolinhas e pelúcias, especialmente quando jovens.

As características do cocker spaniel inglês

O cocker é um cachorro bastante ativo

Diferentemente de outras raças, o cocker costuma ser um cachorro ativo até que chegue à fase de idoso, quando tende a acalmar e apreciar horas em sua caminha ou sofá. Até que a idade chegue, eles costumam ser agitados, exigindo certa dedicação de seus tutores, que devem incluir na rotina longos passeios diários.

O cocker spaniel inglês gosta muito de apreciar a natureza e, quando não socializado com outros animais, pode ser um tanto quanto perseguidor. Como faz parte de sua natureza e sua genética, ele tende a correr atrás de gatos e aves, porém seu abocanhar costuma ser leve e delicado (uma vez que seus antepassados não podiam destruir a caça com a boca). Chame a atenção de seu filhote caso ele apresente comportamentos indesejados neste sentido.

Cockers e a socialização

Os cockers são cachorros bastante apegados à família, mas costumam receber bem as visitas, desde que respeitem seu espaço. Cheios de vida e muito alegres, eles gostam de brincar também com os desconhecidos.

Se bem socializados quando filhotes, eles se dão bem com outros pets e não tendem a dar trabalho neste sentido, apesar de algumas vezes demonstrarem serem bastante protetores com seus pais e irmãos humanos.

Brinquedos resistentes

Os cães desta raça precisam de brinquedos resistentes, pois quando frustrados ou entediados, eles podem se tornar um tanto quanto destruidores. Quando um cocker ficar sozinho em casa, ele deve ter objetos de diferentes tipos para ocupar seu tempo, caso contrário poderá descontar sua energia acumulada em móveis, por exemplo.

O enriquecimento ambiental para o cocker spaniel inglês também pode ser algo de grande valia. Excelentes farejadores que são, eles podem passar horas entretidos em busca de seus objetos favoritos que foram estrategicamente escondidos ou de petiscos.

A história do cocker spaniel inglês

Originário da Grã-Bretanha, foi no século XIX que surgiram os primeiros exemplares de cocker inglês. Na Inglaterra e no País de Gales, eles eram conhecidos por participarem de caças às galinholas, aves muito populares na época naquelas regiões.

A tosa do cocker (tosa da raça) que hoje conhecemos muito tem a ver com suas tarefas de caçador. Peludo por natureza, seus tutores da época o mantinham apenas com a típica “saia” e pelos compridos nas orelhas e patas para que não fossem mordidos e feridos por animais, como roedores, durante as caçadas.

As características do cocker spaniel inglês

As orelhas compridas do cocker spaniel

Os cockers são muito conhecidos por suas orelhas compridas e peludas. É uma das poucas raças que possui esta característica e isso merece atenção dos pais: como suas orelhas ficam muito abafadas internamente, o cocker possui uma forte predisposição a desenvolver otite (inflamação de ouvido), que gera mau cheiro e muito desconforto e dor para o pet.

Alguns tutores optam por retirar os pelos da parte interna da orelha, porém esta prática nem sempre é recomendada. Procure a orientação de um médico veterinário.

Orelhas mais longas podem atrair parasitas com mais facilidade, como carrapatos, que gostam de se esconder no pavilhão auditivo, causando até mesmo problemas de equilíbrio.

Por balançarem muito suas orelhas, os cockers spaniels também podem ter otohematoma, quando há um acúmulo de líquido (normalmente sanguinolento) dentro das orelhinhas, causando inchaço e incômodo. Essa condição precisa ser avaliada por um profissional. 

O corte do rabo do cocker é uma prática proibida

Embora o cocker spaniel, em muitos países, tenha seu rabo amputado, no Brasil não é permitida a realização da caudectomia por estética. Antes de adquirir um cachorro desta raça, converse com o criador e peça para que seu filhote não tenha o rabo cortado.

Essa prática é uma espécie de mutilação, que gera problemas comportamentais e dificuldades para se comunicar – já que a cauda é uma “ferramenta” fundamental para os cães se entenderem entre si.

Cockers têm tendência a engordar

O cocker, por ser muito ativo e enérgico, quando não realiza a quantidade necessária de atividade que a raça pede, pode ganhar peso rapidamente. Evite que isso aconteça medindo corretamente a quantidade de ração que seu pet irá receber por dia e não se esqueça de contabilizar em suas calorias cada petisco que lhe for oferecido.

As características do cocker spaniel inglês

FONTE: PETLOVE

Leia também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.