Cachorro calmo: como ensinar meu cão a ficar mais calmo e tranquilo?

cachorro calmo

Sou adestradora de cães e assim que chego na casa de um novo aluno pergunto: “o que você espera do adestramento? O que você deseja que seu cão aprenda?” A maioria esmagadora das pessoas responde: “eu quero que ele seja educado, que ele fique quietinho, sabe?”. Ficar deitado, quietinho, também é um comportamento e pode ser ensinado! Mas primeiro temos que entender uma lei de aprendizagem que é super importante:

“Todo comportamento que existe, acontece porque é recompensado.”

Cachorro calmo: como ensinar meu cão a ficar mais calmo e tranquilo?

Recompensa é tudo aquilo que o animal gosta, seja um carinho, comida, água, colo, sair pra rua, receber atenção do dono, interagir com outros cães. O tempo todo os cães estão nos observando e tentando começar ou manter as recompensas que recebem. Os comportamentos deles são moldados de acordo com as consequências, ou seja, o que acontece depois que o cão ofereceu o comportamento é que vai dizer se esse comportamento vai continuar acontecendo ou não.  Aí entra o papel do dono! É importante observar o que o cão consegue com cada comportamento. O que você faz quando ele pula na porta para te receber? O que você faz quando ele fica latindo na mesa do almoço? Quando ele está agitado, correndo loucamente por cima dos sofás,  você retira ele do ambiente ou entra na brincadeira? Como é a maior parte da sua relação com ele, com folia e excitação ou interagindo de forma calma?

Existe também outra lei do comportamento que é super importante e diz que:

“Todo comportamento que é recompensado, aumenta!”

Isso significa que tudo aquilo que funciona para o cão ter o que deseja, vai funcionar cada vez mais e aí… BINGO! Temos um comportamento estabelecido que vai acontecer cada vez mais e mais intensamente.

Assuntos que serão tratados nesse post!:

Como deixar seu cachorro calmo?

Mas por que saber disso é importante? Lembra que eu disse lá no começo que o ficar deitado, quietinho também é um comportamento? Pois é, sabendo de todas essas informações, a gente entende que ESSE comportamento de ficar quietinho, deitado, precisa ser recompensado para continuar acontecendo e para aumentar. Então, quando seu cão estiver quieto, deitadinho, dê atenção à ele, dê brinquedos ou ossinhos para ele roer, faça massagem, mostre que nesse momento ele é o centro das atenções, ao invés de fazer tudo isso quando ele está tentando desesperadamente chamar a sua atenção pulando, latindo, correndo.

Energia acumulada

Um ponto bem importante nisso tudo é: Não adianta querer que seu cão seja comportado se ele está com energia acumulada. Imagine uma casa com duas crianças entre 5 e 10 anos, de férias. Está frio, chovendo e tudo que elas podem fazer está dentro de casa. Geralmente os pais se desdobram inventando atividades com brinquedos, video game, televisão, livros, computadores. Imagine se não existisse nada disso nessa casa, nenhum brinquedo, nada para fazer. Em pouco tempo as crianças estariam subindo pelas paredes, não é verdade? Não adianta querer que elas aprendam a se controlar se estão com a energia a mil. Com os cães é a mesma coisa, eles precisam de uma válvula de escape, precisam gastar energia física, precisam de atividades mentais e sociais.

Então, proporcione isso ao seu cão e dê oportunidade para que ele seja equilibrado. Depois disso, comece a selecionar os comportamentos que você deseja através das recompensas, lembra? O que acontece depois dos comportamentos para que o cão entenda se eles funcionam ou não.

Vou dar mais alguns exemplos para elucidar. Quando você chega em casa, ao invés de fazer folia com seu cão enquanto ele estiver eufórico, apenas cumprimente calmamente e espere ele se acalmar. Quando ele fizer isso, aí você brinca, corre, rola com ele no chão se quiser e estará recompensando seu cachorro por ter ficado calmo.

cachorro correndo

Isso não significa que você não possa brincar e fazer folia com seu pet, pelo contrário, isso é muito saudável. É só escolher os momentos adequados para isso, pra que ele aprenda também a diferenciar quando pode fazer folia e quando precisa ficar quietinho, aguardando.

Entendeu o princípio da coisa? Você tem todas as ferramentas na mão, aprenda a usá-las de forma correta e terá o cão mais educado (e calmo) do mundo com você!

www.tudodecao.com.br

FONTE: PETLOVE

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *