Origem da raça terra nova

0

Imensos e excelentes nadadores, os gigantes gentis conhecidos como terra nova são populares em várias partes do mundo. Embora não muito comuns no Brasil (especialmente pelo clima quente do país), eles são incríveis cachorros de busca e ótimos companheiros para a família.

Origem da raça terra nova

A história do terra nova

O terra nova surgiu no norte do Canadá no século XVIII, época em que auxiliava pescadores em suas funções, comumente puxando a rede pesada repleta de peixes e carregando objetos que faziam parte da rotina.

Origem da raça terra nova

Muitos criadores da raça defendem que eles descendem de cães mastins, principalmente por terem porte e pelagem parecidos com alguns deles.

Chamados em outros países de Newfoundland dog (termo em inglês para cachorro terra nova), eles atualmente são considerados bons cães de guarda, mas também costumam ser cachorros da família, longe de tarefas de quaisquer natureza.

Temperamento do terra nova

Sensível, dócil e calmo, o cachorro da raça terra nova vive bem dentro de casa, mas por seu tamanho, o indicado é que ele seja criado em uma local com quintal.

Super brincalhões, eles costumam se dar bem com outros cachorros e até outros animais, especialmente quando socializado de forma correta ainda quando filhote. Com as crianças, ele é diversão garantida, pois mesmo com todo seu tamanho, ele costuma ser gentil e medir sua força.

Origem da raça terra nova

Força e resistência

Selecionado para sobreviver em temperaturas bastante frias, o terra nova é um cachorro resistente, mas que não se dá tão bem em climas altos, como no Brasil. Uma vantagem por aqui é que esta raça adora água e se destaca como nadadora, o que os ajuda a refrescar no verão.

Forte, podendo pesar até 70Kg, ele não é do tipo preguiçoso, estando sempre pronto para realizar atividades físicas, mas sem exageros.

Cuidados com o peso

Por serem bem grandes, os terra novas podem não fazer o tanto de exercício físico que precisam e, por isso, acabam ganhando peso. Para eles, a regra é como para os humanos: quem “treina” mais pode comer mais, assim como quem é menos ativo deve ingerir menos calorias.

Seu pelo pode enganar, sendo algumas vezes necessária a avaliação de um médico veterinário para dizer se seu pet está ou não dentro do peso ideal para a raça.

O terra nova baba além do comum

Como muitos cães grandes, o terra nova produz mais saliva do que o comum e, com isso, tende a babar pela casa. Não fosse pouco, ele também tem o hábito de se chacoalhar, espalhando o conteúdo por paredes e móveis. Tenha sempre um pano ou uma toalha limpa à mão para secar a boca do seu filho de quatro patas.

Cuidados

Quando for calor, não mantenha seu terra nova no quintal, ele pode ter sinais de ensolação e hipertermia (aumento exagerado da temperatura do corpo), podendo ter consequências graves por conta disso.

Escovação diária é indicada e necessária. Principalmente na primavera e no verão, eles soltam muito pelo, ficando com “tufos” presos em seus corpos quando não retirados.

Cães da raça terra nova podem sofrer com problemas articulares, como a displasia coxofemoral, doenças cardíacas e diabetes.

Origem da raça terra nova

FONTE: PETLOVE

Leia também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.